O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Miguel Jorge lamentou, nesta quarta-feira, o fracasso das negociações para a Rodada Doha. ¿É uma pena a gente ter trabalhado tanto para não dar em nada¿, afirmou o ministro, que participou da solenidade de acordos com o presidente da Costa Rica, Oscar Arias, em Brasília.

Segundo o ministro, era preferível chegar a um acordo menos ambicioso do que não chegar a acordo nenhum. É um retrocesso não termos chegado a um ponto positivo, e agora vamos ter de trabalhar em outra linha, disse Jorge.

O ministro acrescentou que o Brasil vai buscar acordos junto ao Mercosul, e que há acordos em discussão para serem aprovados no Congresso.

Análise:

Leia mais sobre Rodada Doha

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.