Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

México quer aprofundar relações comerciais com Bolívia

La Paz, 13 out (EFE).- O Governo do México quer aprofundar suas relações comerciais com a Bolívia para ampliar seu mercado aos produtos bolivianos, além de incluir cooperação técnica nas áreas de tele-educação e setor energético.

EFE |

A possibilidade de melhorar as exportações bolivianas para o México surge precisamente quando o Governo de Evo Morales explora mercados externos para a Bolívia por conta do risco de perder os benefícios tarifários vinculados à luta contra o narcotráfico concedidos pelos Estados Unidos.

O presidente americano George W. Bush definiu o início de um processo para suspender esses benefícios com o argumento de que a Bolívia não coopera na luta contra as drogas.

O México é a única nação com a qual Bolívia tem assinado um Tratado de Livre-Comércio (TLC) vigente desde 1995, um instrumento a ser analisados pelos dois países em reunião em Havana em data ainda indefinida.

Os dois Governos acordaram ainda estabelecer ajuda técnica nas áreas de geotermia e hidrocarbonetos, mas deixaram de lado as discussões sobre possíveis acordos para a exportação de gás ou investimentos mexicanos na Bolívia na área petrolífera.

Além disso, Bolívia e México definiram acordos sobre o atendimento dos emigrantes e para promover programas de "televisão educativos" para regiões bolivianas pobres e remotas. EFE ja/rb/jp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG