SÃO PAULO - Metalúrgicos da Volkswagen do Brasil interromperam o trânsito nas quatro faixas de rolamento da Rodovia Anchieta em manifestação organizada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) em frente ao portão principal da empresa, na altura do Km 23. A marcha integra as atividades do Dia Nacional de Luta pelo Emprego e Salário.

pouco antes da passeata, no pátio lateral da montadora, líderes sindicais se revesaram em discurso em cima de um carro de som, criticando a classe empresarial de estar se aproveitando da crise para reduzir salários e cortar postos de trabalho.

O presidente Nacional da CUT, Arthur Henrique, destacou que em 2008, cerca de 15 mil trabalhadores foram demitidos. "Nesse país é fácil demitir. O mercado é flexível e o custo da demissão já está embutido no valor final do produto", criticou o sindicalista.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.