O Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo informou hoje que os trabalhadores do setor vão paralisar as atividades em 23 empresas de máquinas e de aparelhos eletroeletrônicos da capital paulista, que empregam cerca de 6,2 mil funcionários. O objetivo da paralisação, segundo o sindicato, é negociar diretamente com as empresas acordos salariais garantindo o aumento salarial dos trabalhadores.

Entre as empresas a serem paralisadas estão: Fame, na zona leste; MTU do Brasil, na zona oeste; Kato Estamparia, na zona leste; Toyoda Koki Brasil, também na zona leste.

Nas paralisações, os diretores do Sindicato informam os trabalhadores sobre o andamento das negociações com os sindicatos patronais dos dois setores - Sindicato da Indústria de Máquinas (Sindimaq) e Sindicato da Indústria de Aparelhos Elétricos e Eletrônicos e Similares (Sinaees).

A próxima negociação entre as partes está marcada para a próxima segunda-feira (dia 13), às 16 horas (de Brasília).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.