Tamanho do texto

O diretor de Política Econômica do Banco Central (BC), Mário Mesquita, está deixando o cargo por motivos pessoais, segundo nota divulgada hoje pelo Banco Central (BC). Mesquita vai se dedicar a novos projetos profissionais, "depois de 3 anos e 9 meses contribuindo de forma importante" para o BC.

O diretor de Política Econômica do Banco Central (BC), Mário Mesquita, está deixando o cargo por motivos pessoais, segundo nota divulgada hoje pelo Banco Central (BC). Mesquita vai se dedicar a novos projetos profissionais, "depois de 3 anos e 9 meses contribuindo de forma importante" para o BC. No lugar de Mesquita, assume o atual diretor de Assuntos Internacionais, Carlos Hamilton Vasconcelos Araújo, que dará a primeira entrevista coletiva hoje, já como diretor de Política Econômica, para comentar o relatório de inflação do primeiro trimestre de 2010.<p><p>Para a diretoria de Assuntos Internacionais, o presidente do BC, Henrique Meirelles, indicou Luiz Awazu Pereira da Silva, funcionário de carreira do Banco Mundial e que atualmente ocupa o cargo de diretor regional para o Departamento 2 da África Austral do banco. Segundo nota do BC, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva concordou com a indicação de Awazu, que terá que ser submetida ao Senado.<p><p>Luiz Awazu Pereira da Silva é doutor em Economia pela Université de Paris-I Sorbonne. Foi diretor do Departamento de Risco-País e Análise Econômica do Japan Bank for Internacional Cooperation e pesquisador visitante do Instituto de Política Monetária e Fiscal do Ministério das Finanças do Japão. <p><p>No Brasil, foi chefe da Assessoria Econômica do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão e Secretário de Assuntos Internacionais do Ministério da Fazenda, na gestão de Antonio Palocci e no início do período de Guido Mantega, quando foi substituído por Luiz Eduardo Melin. Pereira é também funcionário de carreira do Banco Mundial e, segundo uma fonte do governo, não se enquadra nem como ortodoxo nem como desenvolvimentista, mas sim como alguém que analisa os dados tecnicamente. Ainda segundo essa fonte, a escolha de Pereira estava acertada há cerca de um mês e meio.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.