Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mesmo com juros em 1%, Bernanke diz que Fed ainda tem munição

SÃO PAULO - O presidente do Federal Reserve (Fed), banco central norte-americano, Ben Bernanke, alertou hoje o mercado de que ainda possui munição em termos de ações de política monetária, mesmo já tendo reduzido os juros básicos para 1% ao ano. Segundo ele, apesar de o mecanismo tradicional de política monetária estar limitado pelo fato de que os juros nominais não podem ser negativos, ele lembrou que o Fed pode comprar, no mercado, títulos de longo prazo emitidos pelo Tesouro e pelas agências de refinanciamento hipotecário, com o objetivo de reduzir o rendimento desses papéis e impulsionar a demanda agregada. Ao comprar títulos, o Federal Reserve também injeta dinheiro na economia.

Valor Online |

Ele destacou, inclusive, que o Fed já começou a fazer isso quando anunciou na semana passada que comprará até US$ 600 bilhões em papéis de dívida e instrumentos securitizados emitidos pela Fannie Mae e Freddie Mac. "É encorajador que este anúncio tenha sido acompanhando por uma queda nas taxas de juros das hipotecas", disse Bernanke, em discurso no Texas.

O presidente do Fed disse que a economia dos EUA está sob "considerável estresse" e que é provável que ela mantenha assim por algum tempo. Segundo Bernanke, a economia só vai se recuperar plenamente quando e se os mercados financeiros voltarem a funcionar normalmente.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG