regulação adequada - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Merkel defende reforma dos mercados baseada em regulação adequada

Berlim, 13 nov (EFE) - A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu hoje uma reforma dos mercados baseada em uma regulação adequada e sem mácula de todos os âmbitos, para evitar que persistam as lacunas nos controles.

EFE |

"Não podem surgir mais manchas onde aparecem riscos não vistos", afirmou a chefe do Governo alemão ao jornal "Süddeutsche Zeitung" de amanhã, perante a Cúpula de Chefes de Estado e de Governo do Grupo dos Vinte (G20, que reúne os países mais ricos e principais emergentes) que começa no sábado, em Washington.

A chanceler defendeu "não perder o tempo" na reforma do sistema financeiro internacional e mostrou confiança em que tanto os Estados Unidos quanto o Reino Unido entenderão isso, já que atualmente vêem a situação "muito mais na mesma direção" que os países da zona do euro.

O Governo alemão espera que a cúpula dê um "forte impulso" a essas reformas, mas da conferência não cabe esperar resultados concretos sobre como abordar a crise financeira, advertiram hoje fontes governamentais.

De Washington cabe esperar uma série de "acordos fundamentais", sobre como devem ser feitas essas reformas, mas não se deve esperar da cúpula "medidas concretas" para fazer frente à crise, disseram essas fontes.

Merkel chegará à cúpula sob o impacto causado, tanto na Alemanha quanto no âmbito internacional, pela situação de recessão técnica a qual a maior potencial econômica européia enfrentou nos últimos trimestres.

O Escritório Federal de Estatística, com sede em Wiesbaden, disse hoje que o Produto Interno Bruto (PIB) da Alemanha registrou no terceiro trimestre do ano um retrocesso de 0,5%, após sofrer outra diminuição de 0,4% no segundo trimestre. EFE gc/db

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG