SÃO PAULO - As ordens de venda seguem dando rumo ao mercado de câmbio nesta quinta-feira, que marca um ajuste de posições depois da forte de alta de ontem. Além do espaço para correção técnica, pois o dólar caía por 10 dias seguidos, as compras se intensificaram em função dos rumores sobre leilão de swap cambial reverso e ameaças de maior atuação do governo no câmbio.

Como por ora nenhuma coisa nem outro se confirmaram, os agentes reavaliam posições. Por volta das 15 horas, o dólar comercial caía 0,57%, a R$ 1,717 na venda. O Banco Central (BC) já comprou dólares no mercado à vista, pagando R$ 1,7185 por volta das 12h10. Os agentes esperam, agora, a segunda atuação. Já no mercado futuro, o contrato para outubro, negociado na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F) recuava 0,46%, a R$ 1,721. No câmbio externo o dólar também perde espaço. O euro segue negociado acima de US$ 1,30, e o Dollar Index, que mede o desempenho do dólar ante uma cesta de moeda, caía 0,26%, a 81,2 pontos. (Eduardo Campos | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.