O déficit na balança comercial do Reino Unido subiu para o nível mais alto da história, segundo informou hoje o Escritório para Estatísticas Nacionais (ONS, na sigla em inglês)

selo

O déficit na balança comercial do Reino Unido subiu para o nível mais alto da história, segundo informou hoje o Escritório para Estatísticas Nacionais (ONS, na sigla em inglês). O déficit alcançou 8,7 bilhões de libras (US$ 13,4 bilhões) em julho, o maior valor desde que números comparáveis começaram a ser compilados, em janeiro de 1998. Este também é o maior déficit registrado na história das séries de dados comerciais do Reino Unido, que tiveram início em 1697.

Economistas esperavam que o déficit atingisse 7,4 bilhões de libras em julho. O déficit comercial de junho foi revisado para 7,5 bilhões de libras, ante o cálculo original de 7,4 bilhões de libras. Já o déficit no comércio de petróleo subiu para 600 milhões de libras em julho, de 300 milhões de libras em junho, na medida em que as importações cresceram 300 milhões de libras e as exportações caíram 100 milhões de libras. A importação de petróleo totalizou 3,3 bilhões de libras em julho, o nível mais alto desde os 4,7 bilhões de libras de julho de 2008.

De acordo com o ONS, o déficit comercial do Reino Unido com países de fora da União Europeia aumentou para 4,8 bilhões de libras. Esse foi o maior déficit desde janeiro deste ano e se compara com os 4,3 bilhões de libras de déficit em junho. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.