Tamanho do texto

Será a primeira operação do tipo feita pela companhia. O valor unitário das notas será de R$ 2 milhões.

O conselho de administração da Redecard aprovou a emissão de até R$ 1 bilhão em notas promissórias comerciais, na primeira operação do tipo pela companhia. A empresa que processa transações com cartões de pagamento não informa em ata a destinação dos recursos. Serão emitidas até 500 notas promissórias, divididas igualmente em duas séries.

O valor unitário das notas será de R$ 2 milhões. Na primeira série, os papéis terão prazo de vencimento de até 330 dias, enquanto na segunda o vencimento se dará em até 360 dias. Os papéis pagarão juros correspondentes a 105,25% da taxa do DI (Depósito Interfinanceiro). O Banco Itaú BBA será o coordenador líder da distribuição pública, que terá esforços restritos de colocação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.