Formalização da operação, anunciada nesta segunda, está prevista para o dia 14; fusão cria quinto maior do setor na Espanha

Caja Cantabria, Caja de Ahorros del Mediterráneo (CAM), Cajastur e Caja Extremadura esperam fechar o contrato de integração no dia 14 do mês que vem. Ontem, as quatro instituições fecharam um protocolo de intenções para formar um Sistema Institucional de Proteção (SIP), com a configuração de um novo banco, localizado em Madri, na Espanha, e ainda com nome a ser definido.

O jornal espanhol "El País" reportou que o acordo pode criar a quinta entidade financeira espanhola em termos de volume de ativos, atrás de Santander, BBVA, La Caixa e Caja Madrid. A mesma publicação notou que o SIP é a fórmula mais branda para evitar resistência política e não exige, por exemplo, a união dos conselhos nem a fusão da rede de agências.

O Banco de Espanha, porém, estipulou condições dura que não se possa romper o acordo com facilidade.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.