Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Mercados na Ásia iniciam semana em alta

Bolsa de Hong Kong atingiu a maior pontuação em mais de dez meses; índice Hang Seng subiu 1,2%, para 22.618,66 pontos

AE |

selo

Os mercados da Ásia fecharam em alta nesta segunda-feira. Parte das bolsas reagiu positivamente aos robustos dados da economia chinesa. Não houve negociações na China por ser feriado.

Este foi o caso da Bolsa de Hong Kong, que atingiu a maior pontuação em mais de dez meses. Os ganhos foram liderados pelas companhias energéticas chinesas e as imobiliárias locais - os bons números econômicos da China reasseguraram aos investidores a continuidade do fortalecimento da economia da região. O índice Hang Seng subiu 260,49 pontos, ou 1,2%, e terminou aos 22.618,66 pontos, o maior índice desde 19 de novembro de 2009.

A realização de lucros fez a Bolsa de Taipé, em Taiwan, encerrar praticamente estável, após atingir a maior alta em oito meses na sessão da manhã. O índice Taiwan Weighted subiu 0,02% e fechou aos 8.246,10 pontos.

Na Bolsa de Sydney, na Austrália, a alta das ações foi liderada pelos setores financeiro, de matérias-primas e bens de consumo. O índice S&P/ASX 200 ganhou 1% e fechou aos 4.625,3 pontos.

O índice PSE da Bolsa de Manila, nas Filipinas, fechou com alta de 1,9% e alcançou a pontuação recorde de 4.188,31 pontos.

A Bolsa de Cingapura fechou em alta, em linha com outros mercados asiáticos e apoiada pelo forte fechamento em Wall Street, uma vez que os investidores permanecem com sentimento positivo sobre a região a despeito de uma série de indicadores econômicos conflitantes dos EUA. O índice Straits Times ganhou 0,8% e fechou aos 3.157,45 pontos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, subiu 0,6% e fechou aos 3.569,50 pontos, com os fundos estrangeiros adquirindo ações de companhias que devem divulgar fortes lucros no período de nove meses.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia recuou da alta da manhã, rompendo três sessões seguidas de ganhos, para encerrar em baixa de 1,5%, fechando aos 964,22 pontos. Realizações de lucros pipocaram quando o índice atingiu a casa dos 970 pontos.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, teve baixa de 0,3% e fechou aos 1.462,27 pontos, afetada por renovadas preocupações sobre as perspectivas de crescimento econômico da Europa e por realizações de lucros em ações de primeira linha. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: Bolsa de valoresbolsas asiáticasChinayuanHong Kong

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG