Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Mercado se acalma e dólar opera em queda

SÃO PAULO - A moeda americana registra depreciação nos negócios desta quarta-feira, com a diminuição da aversão ao risco entre os participantes do mercado, causada por boas notícias advindas da Europa. Por volta das 10h15, o dólar comercial tinha desvalorização de 0,38%, cotado a R$ 1,802 na compra e a R$ 1,804 na venda. No câmbio externo, o euro tinha valorização de 0,53% ante o dólar.

Valor Online |

SÃO PAULO - A moeda americana registra depreciação nos negócios desta quarta-feira, com a diminuição da aversão ao risco entre os participantes do mercado, causada por boas notícias advindas da Europa. Por volta das 10h15, o dólar comercial tinha desvalorização de 0,38%, cotado a R$ 1,802 na compra e a R$ 1,804 na venda. No câmbio externo, o euro tinha valorização de 0,53% ante o dólar. No mercado futuro, o contrato com vencimento em julho, negociado na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM & F), apontava queda de 0,81%, a R$ 1,815. Ontem, as preocupações com a economia chinesa aumentaram a demanda por ativos de menor risco, elevando o preço da divisa americana. No entanto, segundo o gerente de câmbio da Treviso Corretora, Reginaldo Galhardo, "os investidores viram que o cenário não é tão preocupante e que houve um exagero". Para ele, acontecimentos e indicadores relativos à economia europeia mudaram o rumo do mercado de câmbio nesta quarta-feira e reduziram os temores quanto à recuperação mundial. Um leilão promovido pelo Banco Central Europeu (BCE) minimizou os temores do mercado com relação à saúde dos bancos na Europa. Além disso, a agência de estatísticas Eurostat apontou que o índice de preços ao consumidor na zona do euro deve avançar 1,4% em junho, na comparação com um ano antes. A projeção sugere um abrandamento no ritmo de alta do indicador já que, em maio, a inflação foi de 1,6%. (Karin Sato | Valor)

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG