O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse hoje que os países finalmente estão admitindo que existe um conflito cambial no mundo que precisa ser discutido e resolvido

selo

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, disse hoje que os países finalmente estão admitindo que existe um conflito cambial no mundo que precisa ser discutido e resolvido. "Quando falei em guerra cambial, o que talvez chocou um pouco as pessoas, na verdade estava falando de algo que está ocorrendo, mas que não estava sendo reconhecido. Hoje todo mundo reconhece que há uma guerra cambial não declarada que vem à tona", afirmou o ministro, em entrevista à imprensa na sede do Fundo Monetário Internacional (FMI), em Washington. "Pusemos o dedo na ferida de propósito", disse.

Mantega informou que esse é um assunto que está sendo discutido de hoje a domingo nas reuniões anuais do FMI e Banco Mundial e será um dos temas principais da pauta da reunião do G-20, em Seul, em novembro. "Um lugar certo para discutir isso é o G-20. Quis colocar o tema na agenda para que não continuasse cada país adotando medidas que acabam levando ao desequilíbrio cambial. Todos os países vão pagar o preço por esse conflito cambial", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.