Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Juros futuros se ajustam para cima na BM & F

SÃO PAULO - Na véspera da divulgação da ata referente à última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), quando a Selic foi elevada para 10,75% ao ano, o mercado de juros futuros registra um leve aumento dos prêmios de risco, na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM & F). Há pouco, na ponta mais longa da curva, o contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) com vencimento em janeiro de 2012 avançava 0,03 ponto percentual, para 11,55%. Já os DIs dos primeiros meses de 2013 e de 2014 subiam 0,04 ponto e 0,03 ponto, respectivamente a 11,91% e a 11,95%.

Valor Online |

SÃO PAULO - Na véspera da divulgação da ata referente à última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), quando a Selic foi elevada para 10,75% ao ano, o mercado de juros futuros registra um leve aumento dos prêmios de risco, na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM & F). Há pouco, na ponta mais longa da curva, o contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) com vencimento em janeiro de 2012 avançava 0,03 ponto percentual, para 11,55%. Já os DIs dos primeiros meses de 2013 e de 2014 subiam 0,04 ponto e 0,03 ponto, respectivamente a 11,91% e a 11,95%. Entre os vencimentos mais curtos, o DI com vencimento em outubro de 2010 mantinha taxa de 10,73%, enquanto o DI de janeiro de 2011 subia 0,01 ponto, a 10,85%. O gestor da SLW Asset Management, Gustavo Gazaneo, assinala que o mercado hoje sofre apenas um ajuste, diante da queda dos últimos dias. "O mercado também fica um pouco mais cauteloso na véspera da ata do Copom para ver o que será dito e isso reflete em parte no comportamento dos juros, mas o movimento é de uma correção normal", pontua. Segundo ele, a ata deve mostrar que o ciclo de aperto monetário iniciado pelo Banco Central em abril já chegou ao fim ou está bem próximo dele. (Beatriz Cutait | Valor)

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG