A Itaú Japan Asset Management foi aberta ontem em Tóquio após receber aprovação das autoridades regulatórias do Japão

A Itaú Japan Asset Management, empresa de gestão de recursos criadas pelo banco brasileiro, foi aberta ontem em Tóquio após receber aprovação das autoridades regulatórias do Japão. O anúncio da criação da empresa foi feito durante o evento Itaús Brazil Tokyo Conference, que reuniu cerca de 200 investidores institucionais em Tóquio ontem teve a participação de empresas como Petrobrás, Cemig, Gol, Redecard, além do Itaú.

A Ijam, como vem sendo chamada a nova gestora, é focada no atendimento a investidores institucionais japoneses, que ganharam um site específico do banco na internet. O Itaú contratou três executivos no Japão para tocar a nova empresa, que vai oferecer fundos com papéis de empresas do Brasil e outros países da América Latina para o público japonês. A abertura da gestora no Japão ocorre um ano após o Itaú abrir uma corretora em Tóquio, a Itaú Asia Securities. A unidade tem sete executivos japoneses e sete brasileiros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.