Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Índice europeu de ações fecha estável; ações de construção sobem

Índice europeu de ações fecha estável; ações de construção sobem

Reuters |

PARIS (Reuters) - As bolsas de valores europeias fecharam perto da estabilidade nesta quinta-feira, num respiro dos investidores após a alta da sessão anterior. As ações do setor de construção se recuperaram com a ajuda de dados positivos dos Estados Unidos.

Ainda que dados tenham mostrado uma alta inesperada nas vendas pendentes de moradias usadas nos EUA, a retomada das encomendas à indústria e o declínio dos pedidos de auxílio-desemprego, investidores permaneceram cautelosos antes do relatório mensal do emprego norte-americano, que deve mostrar corte de vagas.

O FTSEurofirst 300, índice que segue as principais ações da Europa, fechou com oscilação negativa de 0,08 por cento, aos 1.054 pontos.

O índice referencial, que avançou 2,9 por cento na quarta-feira após fortes dados da indústria manufatureira da China e dos EUA, ainda acumula queda de 2,1 por cento desde o pico do início de agosto. Uma série de números econômicos negativos geraram temores de que a economia norte-americana volte à recessão.

"A retomada de ontem (quarta-feira) confirma que a recente queda, motivada por temores de uma recaída na recessão, foi exagerada. Afinal, os dados não são tão ruins", disse o chefe de pesquisa econômica da Global Equities, Marc Touati, em Paris.

"Os números de amanhã (sexta-feira) sobre o emprego nos EUA serão mistos, mas, olhando para o futuro, o fluxo de notícias deve melhorar e os níveis dos mercados de ações indicam boa oportunidade de compra, apenas olhe para toda a atividade de fusões e aquisições", acrescentou.

As ações do setor de construção ficaram entre as que mais ganharam nesta quinta-feira.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 0,09 por cento, a 5.371 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX fechou estável em 6.083 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,21 por cento, para 3.631 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,21 por cento, para 20.412 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 retrocedeu 0,07 por cento, para 10.537 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 encerrou em queda de 0,48 por cento, para 7.425 pontos.

(Reportagem de Blaise Robinson)

Leia tudo sobre: NEGOCIOSBOLSAEUROPAFECHA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG