Tamanho do texto

SÃO PAULO - O mercado acionário brasileiro reduziu as perdas no pregão após a decisão e o comunicado do Federal Reserve (Fed), o banco central dos Estados Unidos. Conforme o esperado, a instituição manteve a taxa básica de juros do país no patamar entre zero e 0,25% ao ano.

SÃO PAULO - O mercado acionário brasileiro reduziu as perdas no pregão após a decisão e o comunicado do Federal Reserve (Fed), o banco central dos Estados Unidos. Conforme o esperado, a instituição manteve a taxa básica de juros do país no patamar entre zero e 0,25% ao ano. O comunicado do encontro não trouxe maiores surpresas, exceto por revelar alguma preocupação do Fed com o fato de a inflação estar abaixo do patamar desejável. Novamente os membros do Fed reiteraram que a instituição está preparada para agir e adotar medidas adicionais para reativar a economia, caso seja necessário. Próximo das 15h50, o Ibovespa recuava 0,35%, aos 67.954 pontos, com total negociado de R$ 3,9 bilhões. Em Wall Street, as bolsas inverteram o rumo e passaram a apresentar ganhos. Há pouco, o índice Dow Jones se apreciava em 0,46%, o Nasdaq subia 0,17% e o S&P 500 tinha valorização 0,18%. O analista da Magliano Corretora, Henrique Kleine, assinala que a decisão do Fed veio totalmente dentro do esperado. "Havia a expectativa de que o Fed poderia citar algum incentivo econômico, mas ele apenas disse que está disposto a adotar alguma ação, se necessário, o que pode ser visto como uma leve sinalização de medida", comentou. No mercado corporativo brasileiro, também está contribuindo para a melhora da Bovespa a trajetória das ações da Vale, que passaram a operar em alta. Há pouco, os papéis PNA da mineradora subiam 0,61%, a R$ 42,86, enquanto as ações PN da Petrobras seguiam em baixa, com desvalorização de 1,21%, a R$ 26,77. Entre as principais altas do Ibovespa estavam, há pouco, os papéis Usiminas ON (1,96%, a R$ 49,25), as units da ALL (1,63%, a R$ 17,42) e as ações ON da CCR Rodovias (1,58%, a R$ 41,70). No sentido oposto, as maiores quedas do índice pertenciam aos papéis Sabesp ON (-2,53%, a R$ 34,96), Ambev PN (-2,53%, a R$ 201,65) e PDG Realty ON (-2,21%, a R$ 19,83). (Beatriz Cutait | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.