Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Fluxo cambial é negativo na primeira semana de junho

Em maio, a entrada de dólares foi maior que a retirada, e o fluxo foi positivo em US$ 2,605 bilhões, segundo o Banco Central

Valor Online |

O fluxo cambial registrava saída líquida de US$ 267 milhões na primeira semana de junho, informou o Banco Central (BC). Este valor é resultado de um saldo negativo US$ 96 milhões nas operações comerciais (exportações menos importações) e de um saldo financeiro negativo de US$ 170 milhões.

Em maio, o fluxo foi positivo no montante de US$ 2,605 bilhões, tendo em vista que, no último dia útil do mês, ocorreram remessas líquidas de US$ 102 milhões. Foi o terceiro mês seguido de saldo positivo.

Em junho, até dia 4, o saldo do câmbio contratado nas operações de comércio exterior estava negativo em US$ 96 milhões. Isso como resultado das contratações para exportação, que registravam ingressos de US$ 1,749 bilhão, ante um montante superior de importações, que demandavam remessas da ordem de US$ 1,846 bilhão.

O câmbio financeiro também registrava resultado negativo, em US$ 170 milhões nos três primeiros dias úteis deste mês. De acordo com o BC, as diversas modalidades de captação externa tinham ingressos da ordem de US$ 3,122 bilhões. Mas as remessas em pagamento de compromissos de entidades brasileiras no exterior eram superiores, no valor de US$ 3,292 bilhões.

Saldo no ano é de US$ 7,4 bilhões

No acumulado do ano, até junho, as operações cambiais têm saldo positivo de US$ 7,376 bilhões, ante US$ 1,1 bilhão em intervalo semelhante de 2009.

Leia tudo sobre: fluxo cambialdólarcâmbioexportaçõesimportações

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG