SÃO PAULO - O mercado de câmbio ainda não encontrou direção definida no pregão desta sexta-feira. Por volta das 14h50, as ordens de compra se equilibravam com as vendas, o que resultava em dólar comercial estável a R$ 1,716.

SÃO PAULO - O mercado de câmbio ainda não encontrou direção definida no pregão desta sexta-feira. Por volta das 14h50, as ordens de compra se equilibravam com as vendas, o que resultava em dólar comercial estável a R$ 1,716. Na semana, a moeda ainda mostra queda de 0,23%. Já no mercado futuro, o contrato para outubro, negociado na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F) avançava 0,14%, a R$ 1,720. A formação de preço continua esbarrando nas notícias sobre a possibilidade de atuação mais forte do governo no mercado. No entanto, começa a se formar o consenso de que alguma medida firme no câmbio só deve ser tomada com alguma definição sobre a oferta de ações da Petrobras. No câmbio externo, o euro marca leve baixa ante o dólar, mas segue negociado acima da linha de US$ 1,30. (Eduardo Campos | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.