Emissores têm até 30 de junho para entregar o formulário que substitui o atual relatório de informações anuais (IAN)

A Comissão de Valores Mobiliários (CMV) prorrogou para 30 de junho o prazo para que as empresas abertas – e outros emissores de valores mobiliários - entreguem o formulário de referência (FR) referente ao último trimestre de 2009. O adiamento foi necessário porque o sistema eletrônico para a entrega do documento só estará disponível a partir de 1º de junho, segundo a CVM.

Emissores cujos exercícios terminam em outras datas, que não o final do ano passado, permanecem obrigados a entregar o FR cinco meses após o encerramento do respectivo exercício. O FR foi criado para substituir o atual relatório de informações anuais (IAN) e é considerado uma forma mais transparente e eficiente de apresentação dos dados das emissoras.

A CVM diz que poderia ter optado por manter o prazo de entrega do FR e permitir que os emissores utilizassem um arquivo em forma de texto livre para o cumprimento desta obrigação. No entanto, levou em consideração a conveniência, para os acionistas e demais usuários das informações, de o conteúdo do FR estar disponível em uma base de dados única, de forma a permitir, no futuro, a comparação entre formulários relacionados a diferentes períodos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.