Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

CVM deixará de registrar analistas em outubro

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) anunciou hoje a divulgação da instrução 483, que estabelece as regras a analistas de valores mobiliários

AE |

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) anunciou hoje a divulgação da instrução 483, que estabelece as regras a analistas de valores mobiliários. Com a nova norma, que entra em vigor em 1º de outubro, a autarquia deixará de registrar os analistas de valores mobiliários, cabendo exclusivamente às entidades credenciadoras autorizadas pela CVM habilitar esses profissionais a exercer a atividade de análise. A Instrução nº 483/10 substitui a Instrução CVM nº 388, de 30/04/2003, e é aplicável a todas as pessoas que, em caráter profissional, elaborem relatórios de análise destinados à publicação, divulgação ou distribuição a terceiros.

Profissionais atualmente autorizados a exercer a atividade de análise não precisam tomar qualquer providência para se habilitar dentro do novo regime, por já estarem devidamente registrados junto à entidade credenciadora atualmente existente - a Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais (Apimec). A Apimec pediu autorização para ser uma entidade credenciadora de analistas de valores mobiliários nos termos da nova Instrução. A CVM concedeu a autorização e acredita que a entidade estará autorizada a credenciar analistas, nos termos do novo regime, até 1º de outubro.

Leia tudo sobre: ECONOMICO-ECONOMIA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG