Tamanho do texto

Saiba como iniciar negócios com ações via corretora ou home broker

Corretora

Se o investidor não se sente à vontade para iniciar suas aplicações em ações diretamente, sem o apoio de um corretor, deve procurar uma instituição que o auxilie.

Onde o cliente deve ir para dar início ao processo? A uma agência do banco?

Sim, precisará comparecer a uma agência para fazer o cadastro da corretora

Tricia Vieira/FOTOARENA
Jamile Chaim, operadora do Santander, faz calculos e consulta os clientes para fechar os negócios
Precisa ser cliente do banco em questão?

Sim

Quais documentos levar?

RG, CPF e comprovante de endereço (água, luz, telefone fixo, gás)

Em quanto tempo fica habilitado para negociar ações?

Em três dias

Quem compra e vende? O cliente ou o gerente?

O Gerente Especialista apresentará relatórios de pesquisa, para dar ao cliente informações que o ajudem a tomar a melhor decisão. Quem autoriza a compra e venda das ações sempre é o cliente, o gerente é um “conselheiro” para o investidor.

Fonte: Santander

Home broker

Caso o investidor prefira fazer tudo pela internet, inclusive decidir sozinho em quais ações aplicar, a via mais fácil é o home broker. Veja como dar os primeiros passos

Onde o cliente deve ir para dar início ao processo? A uma agência do banco?

Se quiser, pode ir a uma corretora. Mas também pode escolher uma opção pela internet

Precisa ser cliente de um banco ligado à corretora?

Não

Quais documentos levar?

Preenche um cadastro pela Internet e envia para a corretora, com cópia de CPF, RG e comprovante de residência (água, luz, telefone fixo, gás)

Em quanto tempo fica habilitado para negociar ações?

Em cinco dias

Quem compra e vende? O cliente ou o corretor?

O cliente. Se precisar de auxílio num primeiro momento, há chats ou telefone. Mas o ideal é que o investidor faça tudo sozinho

Fonte: WinTrade

    Leia tudo sobre: Bovespa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.