Grupo Santander Espanha vendeu sua participação nas duas empresas aos bancos brasileiros; negócios foram fechados separadamente

Os bancos Bradesco e Banco do Brasil anunciaram nesta sexta-feira que adquiriram, separadamente, do Grupo Santander Espanha, participações do banco nas brasileiras Cielo e Companhia Brasileira de Soluções e Serviços (CBSS).

O Bradesco propôs a aquisição de 2,09% do capital social da Cielo, pelo valor de R$ 425 milhões e de 10,67% do capital da CBSS, por R$ 139,2 milhões.

"Concluída a transação, a participação do Bradesco na Cielo aumentará de 26,56% para 28,65% e na CBSS de 34,33% para 45%, reforçando sua participação no capital de empresas que atuam no mercado de cartões", disse o Bradesco, em comunicado.

Já o Banco do Brasil, por meio da subsidiária integral BB Banco de Investimento (BB-BI) informou que foram adquiridos 5,11% do capital social da Cielo por R$ 1,039 bilhão e 4,65% da CBSS por R$ 60,8 milhões.

Após efetivada a transação, a participação do BB-BI na Cielo aumentará de 23,54% para 28,65%, e na CBSS aumentará de 40,35% para 45%.

As ações da Cielo fecharam a sexta-feira em queda de 2,1%, a R$ 16,80. O papel Banco do Brasil subiu 0,61%, a R$ 29,85 e o do Bradesco perdeu 0,69%, para R$ 31,68. O Ibovespa, por sua vez, fechou o dia em alta de 0,18%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.