Tamanho do texto

Investidores seguem preocupados com medidas alemãs; o Ibovespa opera no menor nível desde setembro do ano passado

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) operava em baixa de 2,09% na tarde desta quarta-feira, com o Ibovespa - principal índice da Bolsa - aos 59.569 pontos às 14h40. Se fechar neste patamar, será o menor nível desde 15 de setembro de 2009. Nesta sessão, as principais bolsas mundiais operam em queda. Continua pesando negativamente o anúncio da Alemanha de que irá limitar certos investimentos especulativos, exacerbando a venda da moeda única europeia.

Ontem, a Alemanha proibiu operações no país com posições vendidas a descoberto em bônus governamentais denominados em euros, CDS de governos da zona do euro e ações das dez maiores instituições financeiras alemãs. O objetivo é o de combater práticas ilegais que pressionam a desvalorização de ativos.

As operações de venda descoberto (“short selling”) foram proibidas pela BaFin, reguladora do mercado de capitais alemão, até março de 2011. Essa prática consiste na venda de algum ativo financeiro "alugado", apostando em uma queda do preço para, então, poder comprá-lo novamente por um preço mais baixo. Dessa forma, o especulador lucra com a diferença.

Analistas acreditam que a proposta da Alemanha pode significar "uma queda futura ilimitada do euro".

Nesta quarta-feira, as bolsas europeias fecharam o dia em queda generalizada . As bolsas de Madri, Frankfurt, Milão e Paris tiveram baixas superiores a 2,5%. Nos EUA, o movimento também é negativo. Por volta de 13h, a Nasdaq recuava 1,07% e Dow Jones 0,94%.

Na opinião de economistas, em um ambiente de grande volatilidade como o atual, ainda há espaço para que o Ibovespa recue mais.

Por aqui, o dólar operava em alta de 1,15% frente ao real às 14h30 desta quarta-feira, cotado a R$ 1,843 para venda.

Hoje, a agenda econômica tem inflação no Brasil e nos EUA. No cenário interno, o IGP-M do segundo decêndio de maio que registrou alta de 0,95% , acima da medição da segunda prévia de abril (0,50%), acima da medição da primeira prévia de maio (0,47%).

Ásia

Os pregões asiáticos fecharam em baixa nesta quarta-feira, acompanhando  Wall Street, que fechou a sessão em queda na terça-feira . O índice Dow Jones apresentou recuo de 1,08%, aos 10.511 pontos. O Nasdaq perdeu 1,57%, aos 2.317 pontos, enquanto o S & P-500 fechou com queda de 1,42%, aos 1.121 pontos.

(Com agências)

    Leia tudo sobre: Bovespa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.