Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Bolsas de NY sobem à espera de Bernanke e da Apple

Os principais índices do mercado de ações dos EUA operam em alta - revertendo o movimento observado mais cedo - em meio à expectativa de que os comentários do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano), Ben Bernanke, durante audiências no Congresso nesta semana aliviarão os receios com a economia

AE |

Os principais índices do mercado de ações dos EUA operam em alta - revertendo o movimento observado mais cedo - em meio à expectativa de que os comentários do presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano), Ben Bernanke, durante audiências no Congresso nesta semana aliviarão os receios com a economia.

Amanhã e na quinta-feira, Bernanke participará de audiências no Congresso dos EUA para falar sobre as condições econômicas do país. Na semana passada, o banco central divulgou, juntamente com a ata da última reunião de política monetária, uma previsão menor que a anterior para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) norte-americano em 2010.

Isso alimentou expectativas de que a taxa de juros dos EUA permanecerá em um nível baixo possivelmente até 2011 para evitar que a economia do país entre novamente em recessão, e os investidores acreditam que Bernanke deve reforçar essa perspectiva durante as audiências. "O pensamento é que, do ponto de vista econômico, ele vai defender o cenário de 'economia morna' em vez do 'mergulho duplo' e estabelecer ou apresentar uma barreira relativamente baixa para mais estímulos por parte do Fed", disse Phil Orlando, estrategista de ações da Federated Investors.

Analistas do Goldman Sachs, no entanto, não acreditam que Bernanke tocará no assunto dos estímulos diretamente. "Uma das formas dele evitar uma conexão com ideias específicas seria colocar essas ideias em termos de discussão sobre o que outros bancos centrais fizeram", acrescentaram.

Às 16h36 (de Brasília), o Dow Jones subia 0,67%, para 10.222 pontos, o Nasdaq ganhava 0,84%, para 2.216 pontos, enquanto o S&P 500 avançava 1,06%, para 1.078 pontos. A Apple - que divulgará seu balanço do terceiro trimestre fiscal após o fechamento das bolsas norte-americanas - tinha alta de 2,72% em suas ações, em meio à expectativa de que os resultados da companhia superarão as expectativas. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: ECONOMICO-ECONOMIA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG