O mercado norte-americano de ações opera em leve alta

selo

O mercado norte-americano de ações opera em leve alta. Operadores disseram que os indicadores de vendas pendentes de imóveis residenciais usados e os informes de vendas do setor varejista, melhores do que se previa, estão sendo contrabalançados pela preocupação dos investidores antes da divulgação dos dados do nível de emprego em agosto, na manhã desta sexta-feira. "Estamos como que atolados. Nada nos indicadores me aponta uma mudança de tendência; eles apontam para um crescimento que deverá continuar lento", comentou Barry Knapp, diretor de pesquisa sobre ações da Barclays Capital.

Outros indicadores divulgados hoje não foram tão positivos como o vendas pendentes de imóveis: a produtividade revisada da mão de obra no segundo trimestre ficou abaixo das previsões e as encomendas à indústria ficaram abaixo das expectativas em julho. "Os dados econômicos que recebemos hoje têm pouca importância se comparados com o que veremos amanhã. Não acredito que haja notícias, antes dos dados do desemprego, que justifiquem uma continuidade da alta forte que o mercado teve ontem", disse Charlie Smith, do Fort Pitt Capital Group.

Entre as componentes do índice Dow Jones, os destaques são Alcoa (+2,38% há pouco), Home Depot (+2,02%) e American Express (-1,83%). As ações da Hewlett-Packard subiam 0,31% há pouco, depois de a empresa elevar para US$ 2,1 bilhões sua oferta pela aquisição da 3Par, levando a Dell a desistir da disputa; as da Dell avançavam 2,72% e as da 3Par ganhavam 2,37%.

Outro destaque do pregão é Burger King Group, com alta de 24,31% há pouco, em reação ao anúncio do acordo para sua aquisição pela 3G Capital por US$ 4 bilhões.

Às 14h09 (de Brasília), o Dow Jones subia 1 ponto (0,02%), para 10.271 pontos; o Nasdaq avançava 10 pontos (0,47%), para 2.187 pontos; e o S&P-500 ganhava 3 pontos (0,34%), para 1.083 pontos. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.