Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Bolsas da Europa declinam; investidores reagem à comunicado do Fed

SÃO PAULO - Os investidores e operadores na Europa reagem ao comunicado do Federal Reserve (Fed), divulgado ontem, e a indicadores econômicos dos EUA conhecidos nesta jornada. Ao mesmo tempo que o Fed se comprometeu a manter os juros baixos, o banco central americano alertou que "as condições financeiras se tornaram menos sustentadoras do crescimento econômico, refletindo largamente acontecimentos no exterior". Nesta manhã, os agentes receberam os novos pedidos de seguro-desemprego nos EUA, que tiveram queda na semana passada, e as encomendas de bens duráveis em maio, que verificaram baixa. Há pouco, em Londres, o FTSE-100 desvalorizava-se em 0,40%, aos 5.157,78 pontos.

Valor Online |

SÃO PAULO - Os investidores e operadores na Europa reagem ao comunicado do Federal Reserve (Fed), divulgado ontem, e a indicadores econômicos dos EUA conhecidos nesta jornada. Ao mesmo tempo que o Fed se comprometeu a manter os juros baixos, o banco central americano alertou que "as condições financeiras se tornaram menos sustentadoras do crescimento econômico, refletindo largamente acontecimentos no exterior". Nesta manhã, os agentes receberam os novos pedidos de seguro-desemprego nos EUA, que tiveram queda na semana passada, e as encomendas de bens duráveis em maio, que verificaram baixa. Há pouco, em Londres, o FTSE-100 desvalorizava-se em 0,40%, aos 5.157,78 pontos. O CAC-40, de Paris, cedia 0,76% e se situava em 3.614,29 pontos. Em Frankfurt, o DAX se encontrava em 6.186,13 pontos, retração de 0,29%. (Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG