A baixa em Wall Street e as últimas medidas de aperto econômico adotadas por Pequim influenciaram os pregões nesta sexta-feira

selo

Os principais mercados asiáticos encerraram em queda.

Este foi o caso da Bolsa de Hong Kong, onde os investidores se mostraram preocupados sobre a recuperação da economia global. O índice Hang Seng caiu 90,64 pontos, ou 0,4%, e terminou aos 21.981,82 pontos - na semana, o índice acumulou perda de 0,4%. 

As medidas do governo para conter os preços no setor imobiliário derrubaram as Bolsas da China. O índice Xangai Composto caiu 1,7% e encerrou aos 2.642,31 pontos - apesar disso, o índice teve ganho de 1,4% na semana. O índice Shenzhen Composto perdeu 2,1% e terminou aos 1.117,33 pontos. 

O yuan fechou estável ante o dólar, interrompendo a alta do período da manhã devido à fixação em baixa da taxa de paridade central dólar-yuan e seguindo três dias de ganhos, uma vez que a demanda pela moeda americana cresceu na parte da tarde. O dólar fechou cotado em 6,7902 yuans, mesma cotação do fechamento de ontem. A taxa de paridade central foi fixada pelo Banco do Povo em 6,7884 yuans, de 6,7898 yuans de ontem. 

Em Taiwan, a Bolsa de Taipé fechou praticamente estável, com a fraqueza das grandes indústrias de tecnologia compensadas pela força dos setores têxtil e imobiliário. O índice Taiwan Weighted caiu apenas 0,02% e fechou aos 7.927,31 pontos. 

A Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, encerrou o dia em baixa, na trilha de Wall Street e com os investidores acanhados diante dos indicadores fracos dos EUA. O índice Kospi caiu 0,2% e encerrou aos 1.775,54 pontos. 

Na Austrália, o índice S&P/ASX 200 da Bolsa de Sydney recuou para a menor pontuação dos últimos quatro dias, com queda de 1,1%, fechando aos 4.430,90 pontos. 

A Bolsa de Manila, nas Filipinas, fechou com o índice PSE em alta pelo quinto dia consecutivo. A elevação de 0,9% levou o índice para 3.593,60 pontos, o maior nível em 32 meses. 

A Bolsa de Cingapura teve baixa, seguindo o fraco desempenho em Wall Street e uma vez que os investidores continuam preocupados com a saúde da economia global. O índice Straits Times caiu 0,3% e fechou aos 2.936,48 pontos. 

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, subiu 0,4% e fechou aos 3.117,72 pontos, com as compras, por administradores de fundos, de ações relacionadas ao petróleo e de bancos depois de recentes quedas. 

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia ganhou 0,3% e fechou aos 892,92 pontos com ações de telecomunicações em alta por causa de positivos sentimentos pela aproximação do leilão das licenças de telefonia 3G. 

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, teve alta de 0,2% e fechou aos 1.395,02 pontos, com ganhos liderados por papeis financeiros na expectativa de fortes ganhos de pesos pesados como Malayan Bank e CIMB. As informações são da Dow Jones

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.