O mercado norte-americano de ações reduziu suas perdas a praticamente zero e o índice S&P-500 fechou em leve alta, depois da aprovação da lei de reforma do sistema financeiro dos EUA e em reação a informes, não confirmados até o fechamento, de que a SEC (comissão de valores mobiliários) e o Goldman Sachs chegaram a um acordo que evitaria que o banco de investimentos fosse processado criminalmente por fraude

O mercado norte-americano de ações reduziu suas perdas a praticamente zero e o índice S&P-500 fechou em leve alta, depois da aprovação da lei de reforma do sistema financeiro dos EUA e em reação a informes, não confirmados até o fechamento, de que a SEC (comissão de valores mobiliários) e o Goldman Sachs chegaram a um acordo que evitaria que o banco de investimentos fosse processado criminalmente por fraude. As ações do Goldman Sachs fecharam em alta de 4,43%.

"Todo mundo está assumindo que haverá um acordo e que os termos serão favoráveis ao Goldman", disse o gestor de risco Steve Sosnick, da Timber Hills/Interactive brokers.

Até saírem os informes sobre o acordo, o mercado operava em queda, em reação aos fracos indicadores de atividade industrial do Fed de Filadélfia e do Fed de Nova York e ao índice de preços ao produtor (PPI), que caiu pelo terceiro mês consecutivo em junho, alimentando os temores de deflação.

"Os dados levantam a dúvida sobre se a recuperação no setor industrial já alcançou seu pico. Como a indústria estava liderando a recuperação econômica nos EUA, o que isso quer dizer em termos de futuro? De onde virá o vigor da economia?", questionou John Toohey, vice-presidente de investimentos em ações da USAA Investment Management.

Entre as componentes do Dow Jones, as ações do setor financeiro recuaram (Bank of America -1,79%, American Express -0,62%), com exceção de JPMorgan Chase, que teve alta de 0,27% depois da divulgação de seu informe de resultados do segundo trimestre. As ações financeiras cederam diante dos temores sobre o impacto que a nova legislação do setor financeiro, aprovada à tarde pelo Senado, terá sobre o setor.

Outra notícia que contribuiu para o mercado recuperar terreno também veio à tarde: o anúncio de que a BP finalmente conseguiu deter o vazamento de petróleo iniciado há 87 dias em um poço no Golfo do México; os ADRs da BP subiram 7,57%.

O índice Dow Jones fechou em queda de 7,41 pontos (0,07%), em 10.359,31 pontos. O Nasdaq fechou em baixa de 0,76 ponto (0,03%), em 2.249,08 pontos. O S&P-500 fechou em alta de 1,31 ponto (0,12%), em 1.096,48 pontos. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.