Regras aumentam necessidade de capital, farão frente a riscos de operação bancária e serão válidas a partir de 2012

O Banco Central publicou hoje a circular nº 3498, que altera o cálculo do capital mínimo exigido dos bancos para operações de crédito. O texto altera os parâmetros para Patrimônio de Referência Exigido, que é uma medida ponderada para fazer frente aos riscos relativos à operação bancária. A mudança deve resultar em um aumento no requerimento de capital.

A circular compatibiliza o cronograma de implantação no Brasil ao calendário internacional, que foi publicado pelo Comitê de Basileia em 18 de junho. A circular do BC também revisa os modelos padronizados adotados no Brasil de requerimento de capital, conforme as mudanças definidas no mesmo Comitê que determinaram a criação de uma parcela adicional de capital para fazer frente ao risco de estresse (fVaF).

"As medidas visam o fortalecimento do sistema financeiro, a implementação dos padrões internacionais de regulação acordados no âmbito do G-20 e o incentivo a melhoria na gestão dos riscos de mercado, assegurando ao mesmo tempo a manutenção da competitividade dos bancos nacionais", cita a nota do BC. As novas regras serão implantadas a partir de janeiro de 2012.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.