Apesar disso, setor está preparado para absorver "confortavelmente" o prejuízo, afirma o FBR Capital Markets

O setor bancário dos Estados Unidos enfrenta perdas relacionadas a execuções de hipotecas de US$ 6 bilhões a US$ 10 bilhões, mas está preparado para absorver "confortavelmente" esse prejuízo, afirma o FBR Capital Markets. "Notamos que isso é um problema para o lucro, não de capital", afirmam analistas liderados por Paul Miller, em nota a clientes.

Os analistas, entretanto, afirmam que as empresas executoras de hipotecas podem enfrentar problemas uma vez que nunca foram tão desafiadas pelo sistema judicial quanto agora.

Na quarta-feira, todos os 50 Estados norte-americanos lançaram uma investigação conjunta sobre a indústria de hipotecas, uma decisão que alguns especialistas temem que possa dificultar vendas de moradias que tiveram hipotecas executadas. Além disso, há o risco de ameaçar a frágil recuperação do mercado imobiliário.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.