Publicidade
Publicidade - Super banner
Mercados
enhanced by Google
 

Alemanha e França querem imposto financeiro

O Reino Unido tem sido cauteloso sobre a proposta de taxas transações financeiras

AE |

A Alemanha e a França vão se juntar para defender a implementação de um imposto sobre transações financeiras na União Europeia (UE), informou hoje o ministro de Finanças alemão, Wolfgang Schaeuble. "Junto com meu colega francês, eu vou pedir à Comissão Europeia nos próximos dias para apresentar uma proposta de regulamentação europeia para um imposto sobre transações financeiras", afirmou o ministro, durante discurso à Câmara Baixa do Parlamento.

 

Os comentários de Schaeuble foram feitos após os países do G-20 (que reúne as 20 maiores economias do mundo) na semana passada não terem conseguido chegar a uma abordagem conjunta e global para tal imposto. O ministro disse que esse resultado não foi surpreendente e é por isso que a França e a Alemanha vão agora defender uma regulamentação europeia. No entanto, ele admitiu que "também não vai ser fácil" essa proposta ter sucesso. "Eu espero que dê certo", comentou.

 

O Reino Unido tem sido cauteloso sobre a proposta de imposto. "O relatório do Fundo Monetário Internacional (FMI) não dá aval para um imposto sobre transações financeiras e claramente seria preciso mais discussões sobre se esse modelo oferece um mecanismo estável e eficiente a essa altura", disse um porta-voz do Tesouro do Reino Unido. "Ao mesmo tempo, nós acreditamos que o modelo de uma taxação sobre os bancos oferece um caminho eficiente a se seguir". As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: ECONOMICO-ECONOMIA

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG