Transações via celular são a nova fronteira de bancos

Segundo a Febraban, 46% das contas correntes ativas utilizam o internet banking e das 67 bilhões de transações bancárias feitas anualmente, 24% são realizadas via internet

Agência Estado |

Agência Estado

O presidente da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), Murilo Portugal, disse que as transações bancárias via celulares são a nova fronteira que a indústria financeira irá atravessar. "As empresas de cartões e as instituições financeiras vêm trabalhando para oferecer esse tipo de serviço com segurança e já se discute modernizar a legislação penal, de 1940, que não trata de crimes eletrônicos", disse Portugal.

Para ilustrar o uso dos meios eletrônicos nas transações bancárias, o presidente da Febraban citou que 46% das contas correntes ativas utilizam o internet banking e que, dos 67 bilhões de transações bancárias feitas anualmente, 24% são realizadas via internet.

"As iniciativas de bancarização e inclusão financeira vão utilizar de forma crescente o celular e a padronização dos vários instrumentos e a maior transparência serão importantes", disse. Segundo Portugal, a indústria financeira terá "a tarefa de criar a infraestrutura para que essas transações ocorram de modo simples, rápida, segura e com custos baixos a fim de competirmos com o dinheiro".

O presidente da Febraban fez os comentários durante o 7º Congresso de Meios Eletrônicos de Pagamentos (CMEP), promovido em conjunto pela Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) e a Febraban.


Leia tudo sobre: ECONOMIAbancosinternet

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG