Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Petróleo recuou e puxou bolsas dos EUA; Europa teve alta

SÃO PAULO - Os principais indicadores acionários americanos encerraram o pregão com pequena queda. O movimento foi influenciado pela baixa na cotações de commodities, principalmente do petróleo. O índice Dow Jones recuou 0,2%, para 11.516,92 pontos. O S & P 500 caiu 0,41%, aos 1.277,58 pontos e o Nasdaq cedeu 0,77%, para 2.349,24 pontos.

Valor Online |

A queda do petróleo para menos de US$ 110 depois que ficou claro que o furacão Gustav não traria os prejuízos esperados influenciou. Isso deprimiu as ações de empresas petroleiras, caso da Exxon Mobil e da Chevron, que recuaram 3,4% e 3,5%, respectivamente. Outras commodities também baixaram e afetaram companhias ligadas a esses produtos. A Alcoa, do setor de alumínio, viu seus papéis cair 5,2%, por exemplo.

As ações européias subiram com a retração do petróleo. O índice FTSEurofirst 300 avançou 0,91%, para 1.200 pontos. O índice caiu 0,45% na segunda-feira e acumula baixa de cerca de 20% no ano.

Preços mais baixos do petróleo exercem pressão sobre as ações de energia. Os papéis de BP, Royal Dutch Shell, BG Group e Tullow Oil caíram entre 1,8% e 5,1%.

Em Londres, o índice Financial Times fechou em alta de 0,32%, a 5.620 pontos. O DAX, de Frankfurt, avançou 1,51%, para 6.518 pontos. Na bolsa de Paris, o CAC-40 subiu 1,5%, para 4.539 pontos. O Mibtel, de Milão, aumentou 1,15%, a 22.474 pontos. Houve alta de 1,8% no indicador Ibex-35, da bolsa de Madri, ao passo que o PSI20, de Lisboa, registrou ganho de 0,4%.

(Valor Econômico, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG