F - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Contratos de juros sofrem ajuste de alta na BM F

SÃO PAULO - Os contratos de Depósitos Interbancários (DIs) negociados na Bolsa e Mercadorias & Futuros (BM & F) registram alta em quase todos os vencimentos transacionados. O movimento é uma inversão em relação à abertura dos negócios, que foi de baixa das taxas, e é explicado por novas preocupações dos investidores, agora com aspectos da economia real no mundo e não com o risco do sistema financeiro.

Valor Online |

Há pouco, o contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) com vencimento para janeiro de 2010 subia 0,09 ponto percentual, para 14,72%. Janeiro de 2011 tinha aumento de 0,07 ponto, a 15,15%. O vencimento de janeiro de 2012 apontava 15,45%, com valorização de 0,06 ponto percentual em relação ao último pregão.

Na ponta curta, novembro de 2008 era o único a operar em baixa, de 0,02 ponto percentual, a 13,68% ao ano. Dezembro de 2008, por sua vez, subia 0,02 ponto percentual, para 13,79%. O DI para janeiro de 2009 era negociado a 13,93%, aumento de 0,05 ponto.

Sergio Machado, gestor da Vetorial Asset, acredita que, depois da recuperação estrondosa de ontem, os investidores encaram agora um segundo momento de tensão, relacionado com o fato de que "os problemas continuam". Encontradas possíveis soluções para a crise do sistema financeiro, o mercado agora terá que lidar com os efeitos econômicos.

"Conseguiu-se evitar crise sistêmica que poderia descambar para depressão mundial. Daí a falar que o problema acabou há uma grande distância", diz, lembrando que a abertura de taxas, sobretudo nos contratos de longo prazo, representa uma tradução da incerteza que envolve a macroeconomia externa e local diante do novo cenário.

(Bianca Ribeiro | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG