Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Bovespa sobe 1,92% e dólar declina 0,11%, a R$ 1,770

SÃO PAULO - Depois de cair 6,74% em dois dias, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) passa por um pregão de recuperação. Por volta das 11 horas, o Ibovespa avançava 1,92%, aos 49.363 pontos, com giro financeiro em R$ 960 milhões.

Valor Online |

Em Wall Street, os índices também apontam para cima, com os investidores recuperando um pouco de confiança no setor financeiro depois que o Lehman Brothers adiantou a divulgação de balanço trimestral e anunciou planos para levantar recursos. Há pouco, o Dow Jones ganhava 0,82% e o Nasdaq subia 1,04%.

A melhora de humor também chegou ao câmbio. Depois de bater R$ 1,799 na máxima da manhã, o dólar inverteu o rumo e, há pouco, registrava perda de 0,11%, para R$ 1,770 na venda.

Dentro do Ibovespa, os carros-chefes puxam os ganhos. Petrobras PN subia 0,88%, saindo a R$ 28,60, e Vale PNA avançava 3,05%, a R$ 34,36. O ativo ON da CSN ganhava 1,17%, para R$ 43,20.

Forte alta para a ação ON da Redecard, que valia R$ 28,18, ganho de 4,37%. Telesp PN e JBS ON subiram mais de 3% cada, a R$ 43,66 e R$ 5,42, respectivamente.

Fora da recuperação, o ativo ON da Cosan continua perdendo valor, recuando 3,64%, a R$ 17,72. Baixa também para as units do Unibanco, de 1,96%, para R$ 17,93.

Atenção também para o setor imobiliário. Mais duas empresas vão se unir. Hoje, a Brascan Residential Properties anunciou uma proposta de reestruturação que resultará na incorporação da Company. O negócio envolve troca de ações e o pagamento de R$ 200 milhões em dinheiro. Há pouco, a ação ON da Brascan ganhava 1,83%, cotada a R$ 6,11, enquanto o papel ON da Company perdia 12,90%, a R$ 8,77.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG