Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Bovespa reverte e recua 1,24%; Dólar cai 3,50%, a R$ 2,285

SÃO PAULO - O sentimento externo negativo fala mais alto e puxa a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) de volta ao território negativo. Por volta das 14h30 o Ibovespa tinha desvalorização de 1,24%, para 35.

Valor Online |

546 pontos, com giro financeiro em R$ 1,54 bilhão.

Em Wall Street, depois de uma tentativa de reação, o Dow Jones firma posição em baixa, recuando 2,84%, enquanto a bolsa eletrônica Nasdaq cai 3,89%. Seguindo a disparada de mais de 6% da sessão de ontem, novas indicações de redução da atividade econômica colocam os investidores na defensiva. Pela manhã, o Departamento de Comércio dos EUA anunciou que as vendas no varejo caíram caíram 2,8% em outubro, marcando o quarto mês seguido de retração. O resultado é o pior resultado da série histórica iniciada em 1992.

O humor externo negativo não influi na formação da taxa de câmbio. O dólar segue perdendo valor ante o real, corrigindo parte da alta de mais de 9% acumulada entre segunda-feira e quinta. Há pouco, o dólar valia R$ 2,285 na venda, baixa de 3,50%.

Dentro do Ibovespa, os carros-chefe puxam as perdas. Petrobras PN devolve os ganhos do período da manhã e perde 1,89%, para R$ 20,70. Vale PNA se desvalorizava 0,20%, para R$ 24,19.

Os bancos também mudam de lado, com as ações PN do Bradesco recuando 0,54%, para R$ 23,62. Itaú PN perdia 1,10%, para R$ 25,87, e Banco do Brasil ON cedia 0,42%, valendo R$ 13,90.

Na ponta compradora, Vivo PN tinha alta de 7,10%, para R$ 24,11. Perdigão ON avançava 5,10%, para R$ 35,42, e Net PN valia 4,48% mais, negociada a R$ 12,80.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG