Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Bovespa registra alta de 4,61% e dólar declina 1,41%

SÃO PAULO - O mercado doméstico opera com um pouco mais de otimismo desde a abertura dos negócios. A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) abriu em alta e reforçou o movimento após o início positivo dos negócios também em Nova York.

Valor Online |

O dólar chegou a oscilar ligeiramente em alta após a abertura, mas sustenta queda neste momento.

Há pouco, o Ibovespa marcava valorização de 4,61%, aos 38.078 pontos. O dólar era negociado a R$ 2,0860 para a compra e R$ 2,0880 para a venda, com recuo de 1,41%.

Segundo agentes de mercado, o bom humor se deve mais à ausência de notícias negativas do que a uma razão positiva específica. Nos Estados Unidos, o único indicador importante, o índice de indicadores antecedentes (leading indicator), trouxe um cenário melhor do que o previsto para dados de atividade no país, o que colaborou para impulsionar a alta da bolsa brasileira.

Flávio Serrano, economista-sênior do BES, acredita que a confiança dos investidores tende a se restabelecer, pois as fortes injeções de recursos promovidas em todos os grandes mercados começa a tomar corpo e elevar gradualmente a liquidez. No caso da bolsa paulista, a recuperação de preços de commodities continua favorecendo as ações de peso listadas no índice.

Para o dólar comercial, as influências têm mais relação com a situação de liquidez doméstica. O Banco Central (BC), que tem atuado para atender à demanda por moeda americana, volta a ofertar leilões de swap cambial logo mais, às 13h, mas ainda não fez leilão de dólares à vista ainda hoje.

O mercado também se prepara para o primeiro leilão do BC com dinheiro das reservas destinado ao financiamento de operações de comércio exterior, no valor de US$ 2 bilhões. A operação ocorre das 16h às 17h.

(Bianca Ribeiro | Valor Onlie)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG