Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Bovespa reduz alta para 1,96% e dólar sobe ante o real

SÃO PAULO - Acompanhando os mercados norte-americanos e o preço de algumas commodities as compras perdem força na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). Depois de subir mais de 5,6% durante a manhã, por volta das 15h15 o Ibovespa ganhava 1,96%, para 37.

Valor Online |

384 pontos, com giro financeiro em R$ 2,05 bilhões.

O efeito positivo do plano de estímulo de mais de US$ 500 bilhões anunciado pela China já começa a perder força. Em Wall Street, depois de um passeio pelo território negativo, o Dow Jones ganhava 0,11%. A bolsa eletrônica Nasdaq mudou de direção e caía 0,42%.

Parte da virada de humor é creditada às notícias negativas vindas dos Estados Unidos. Depois de lidarem com perdas bilionárias da seguradora AIG e da financeira hipotecária Fannie Mae, os investidores acompanham mais um falência. A Circuit City, segunda maior varejista de eletrônicos dos EUA, pediu proteção de credores sob o Capítulo 11 da Lei de Falências dos EUA.

A mudança de sentimento externo também atingiu a formação de preço do dólar, que passou a ganhar valor ante o real. Depois de bater R$ 2,108 na mínima, a moeda norte-americana subia 0,64%, para R$ 2,174 na venda.

Dentro do Ibovespa, os carros-chefes seguram o índice em território positivo. Petrobras PN ganhava 4,34%, para R$ 24,27, e Vale PNA subia 5,84%, para R$ 25,72.

Entre os bancos, Bradesco aumentava 2,62%, para R$ 24,24, enquanto Banco do Brasil ON perdia 3,0%, valendo R$ 14,84.

Perdas também para o papel ON da CSN, que recuava 0,53%, para R$ 24,23. Já o papel PN da Gerdau seguir em alta, avançando 5,03%, para R$ 14,18.

Puxando as perdas dentro do índice, Gol PN se desvalorizava 7,35%, para R$ 8,31, e Gafisa ON tinha baixa de 6,63%, para R$ 11,25. Ultrapar PN e Cosan ON também recuavam mais de 6% cada.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG