SÃO PAULO - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) acena com a possibilidade de mais um dia de perdas. A indicação é dada pelo índice futuro na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM & F).

Há pouco, o contrato com vencimento em dezembro recuava 0,28%, para 34.800 pontos.

O mercado segue a sinalização vinda de Wall Street, onde os futuros também registram queda com os investidores assimilando mais uma rodada de notícias corporativas. A varejista Wal-Mart surpreendeu positivamente ao reportar aumento no lucro do terceiro trimestre. Apesar do crescimento, a empresa reduziu a previsão de ganho para todo o ano de 2008.

Os investidores também reagem ao comunicado da Intel. Na noite de ontem, a fabricante de processadores de computador reduziu em 17% sua previsão de receitas para o quarto trimestre apontando fraca demanda em todos os segmentos de mercados.

Na agenda do dia, os pedidos semanais por seguro-desemprego e o resultado da balança comercial norte-americana em novembro. Por aqui, destaque para os resultados trimestrais. Hoje, o Banco do Brasil anunciou lucro de R$ 1,867 bilhão para o terceiro trimestre do ano, resultado 36,9% maior no comparativo anual.

Já na Europa, o dia é de perdas com o setor de commodities e os bancos puxando as vendas.

De volta à Bovespa, na sessão de ontem, os investidores reagiram de forma bastante negativa aos resultados da Petrobras. Apesar de ganho recorde de quase R$ 11 bilhões apresentado pela estatal, a alta dos custos e a queda nas margens desagradou analistas de investidores.

A bolsa brasileira também refletiu a forte queda dos índices norte-americanos. O dia já não era bom e ficou pior depois que o secretário do Tesouro dos EUA, Henry Paulson, mudou o foco do plano de US$ 700 bilhões aprovado em outubro.

Segundo Paulson, o dinheiro não será utilizado para sanear o balanço dos bancos por meio da compra de ativos podres. O novo direcionamento é contribuir para o crédito ao consumidor.

Refletindo tais notícias o Ibovespa caiu 7,75%, encerrando aos 34.373 pontos. Destaque para o giro financeiro, que superou 5,09 bilhões. Já em Wall Street, o Dow Jones fechou com baixa de 4,73%, enquanto o Nasdaq perdeu 5,17%.

Os mercados asiáticos assimilaram essas perdas hoje.

(Eduardo Campos | Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.