Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Bovespa perde 0,39% e dólar declina 1,15%, a R$ 1,797

SÃO PAULO - A tentativa de alta observada no começo dos negócios não se sustenta e a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) passa a operar em território negativo. Por volta das 10h45, o Ibovespa desvalorizava 0,39%, ficando em 51.069 pontos, com giro financeiro em R$ 587 milhões.

Valor Online |

Em Wall Street, o pregão começou de forma bastante negativa, com o Dow Jones caindo 1,07% em pouco mais de 10 minutos de sessão. Influencia o fraco resultado das vendas do varejo nos EUA, que caíram 0,3% em agosto contra uma previsão de alta da mesma ordem. Além disso, continuam as preocupações com o setor financeiro. O banco Lehman Brothers segue com futuro incerto e também há preocupação com o Merrill Lynch.

Dentro do Ibovespa, o destaque cabe novamente às ações da Petrobras, que confirmam os ganhos de mais de 9% observados ontem. Há pouco, o papel PN da estatal subia 1,43%, a R$ 31,85, e o ON valorizava 1,18%, saindo a R$ 36,16.

Puxando as perdas, Vale PNA desvalorizava 0,27%, para R$ 36,60. Seguindo os pares internacionais, os bancos caem de maneira acentuada. Bradesco PN desvalorizava 2,18%, para R$ 29,10, Itaú PN perdia 2,10%, negociado a R$ 30,20. Destoando, o papel ON do Banco Nossa Caixa apresentava alta de 5,11%, para R$ 37,63.

Como terceiro maior volume de negócios do dia, a ação ON da BM & FBovespa apresentava valorização de 3,42%, para R$ 9,05. Ganho também para a ação PN da Gol, que valia R$ 14,85, alta de 2,34%.

No câmbio, depois de quatro dias consecutivos de valorização, o dólar cai ante o real e volta para baixo do patamar de R$ 1,80. Há pouco, a divisa era transacionada a R$ 1,797 na venda, queda de 1,15%.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG