Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Bovespa apresenta queda de 1,47%; Dólar sobe para R$ 2,317

SÃO PAULO - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) continua operando em baixa, refletindo o dia negativo para as bolsas na Europa e nos Estados Unidos. Por volta das 14h30, o Ibovespa tinha desvalorização de 1,47%, para 35.

Valor Online |

262 pontos, com giro financeiro em R$ 2,14 bilhões.

Em Wall Street, segue a preocupação com o ritmo de crescimento econômico, temor reforçado por fracos resultados corporativos e pelo anúncio do Citigroup, que demitirá mais 53 mil funcionários. Há pouco, o Dow Jones perdia 2,29%, enquanto o Nasdaq recuava 3,30%.

Perdas também na Europa, onde os bancos e as mineradoras caem de forma acentuada. Há pouco, o FTSE-100 caía 2,29%, enquanto o Xetra-DAX, da Bolsa de Frankfurt, recuava 3,30%.

Assimilando a instabilidade e recobrando parte da acentuada queda da sexta-feira, o dólar ganha valor ante o real. Há pouco, a divisa era transacionada a R$ 2,317 na venda, com alta de 2,07%.

Dentro do Ibovespa, as commodities em baixa prejudicam o desempenho dos carros-chefe do índice. Liderando o volume negociado, Petrobras PN recuava 2,89%, para R$ 20,16, Vale PNA caía 2,81%, para R$ 23,81, e Usiminas PNA diminuía 1,83%, negociada a R$ 21,40.

Queda acentuada para o papel ON da construtora Gafisa. O ativo valia R$ 8,89, com baixa de 7,39%. As companheira de setor Rossi ON e Cyrela ON perdiam mais de 5% cada. TAM PN perdia 5,88%, a R$ 16,00.

À parte da instabilidade, Embraer ON apresentava alta de 6,13%, para R$ 8,65. Eletrobrás PNB ganhava 5,01%, negociada a R$ 24,73. CPFL Energia ON, TIM Part ON e Celesc PNB aumentavam mais de 4% cada.

Fora do índice, Metalfrio ON tinha forte queda de 26,31%, para R$ 7,00, mas com apenas um negócio realizado. Queda de 10% para o ativo PN do Paraná Banco, que era negociado a R$ 2,70.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG