Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Bolsa opera em baixa de 1,05% e dólar cai 3,78%

SÃO PAULO - O desempenho do mercado doméstico segue a mesma trajetória verificada pela manhã. A bolsa paulista opera no vermelho, puxada principalmente pelos papéis de commodities, cujos preços ainda estão em baixa.

Valor Online |

No segmento cambial, as injeções de liquidez do Banco Central deram sustentação à depreciação da moeda americana, que persiste em baixa perante o real.

Às 15h45, o Ibovespa marcava queda de 1,05%, aos 31.150 pontos, com giro financeiro estreito, de R$ 2,048 bilhões. O dólar comercial era cotado a R$ 2,237 para a compra e R$ 2,239 para a venda, com baixa de 3,78%.

Desde cedo os mercados externos estão um pouco menos tensos. O aumento de 2,7% nas vendas de casas novas nos Estados Unidos amparou uma recuperação das Bolsas em Nova York e permitiu variações mais modestas na queda do índice brasileiro.

Segundo Edson Hydalgo Junior, diretor da Intrade, a queda na bolsa paulista está ancorada no recuo dos preços de commodities, que continuam em baixa e justificam a desvalorização das ações da Vale e da Petrobras, que têm grande peso para o Ibovespa.

No setor cambial, o Banco Central fez três leilões de linha simultâneos, com vencimentos distintos, que somaram US$ 1,250 bilhão. Às 13h, a oferta de swap cambial colocou no mercado cerca de US$ 1,113 bilhão em contratos.

Os agentes acreditam que os instrumentos estão sendo mais eficientes para atender a demanda do mercado por dólares, mas a pressão de saída da moeda por parte de estrangeiros também esteve menos intensa hoje, devido à melhora do clima lá fora.

(Bianca Ribeiro | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG