Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercados: Ação da Petrobras sobe mais de 6% e puxa alta na Bovespa

SÃO PAULO - Depois de um começo de pregão bastante pessimista, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) registra uma forte recuperação. Além da ação da Petrobras, que ganha valor seguindo a descoberta de mais petróleo no pré-sal, outros papéis passaram a apontar para cima, conforme o ritmo de vendas ficou menor em Wall Street e na Europa.

Valor Online |

Depois de cair mais de 2,8% pela manhã, por volta das 12h45, o Ibovespa subia 1,25%, para 50.251 pontos. O giro financeiro estava em R$ 2,35 bilhões.

Em Wall Street, o Dow Jones segue em baixa, mas a queda é menos acentuada do que aquela observada na abertura dos negócios. Há pouco, o indicador perdia 0,36% e o Nasdaq avançava 0,11%.

A formação do câmbio segue com sua dinâmica própria, refletindo as commodities em baixa e o contínuo fortalecimento do dólar ante o euro. Instantes atrás, a moeda norte-americana subia 1,73%, valendo R$ 1,819. Desde o começo do ano, esta é a segunda vez que o patamar de R$ 1,80 é atingido.

O diretor da Intrader, Edson Hydalgo Júnior, avalia que as ações da Petrobras seguram o mercado no peito . Há pouco, o papel PN da petrolífera ganhava 6,27%, a R$ 30,48, e ON subia 7,12%, a R$ 37,61. A ação reflete a nova descoberta no pré-sal. A estatal informou que o campo de Iara teria de 3 bilhões a 4 bilhões de barris de óleo e gás recuperáveis.

Ainda de acordo com o especialista, o Ibovespa pode sustentar essa retomada se as ações da Vale firmarem posição de alta. Para o especialista os ´comprados´ vão tentar manter a ação nos R$ 36 para exercer as opções que vencem na segunda-feira. O papel PNA da mineradora era negociado a R$ 35,52 instantes atrás, com ganho de 0,70%.

Observando a bolsa graficamente, Júnior aponta que há um grande suporte nos 48 mil pontos. No entanto, se o índice romper esse patamar, a próxima parada fica nos 45 mil pontos. E pelo cenário atual não dá para descartar essa possibilidade.

Ainda dentro do Ibovespa, bom desempenho para as ações ON da Companhia Siderúrgica Nacional, que apresentavam valorização de 4,29%, saindo a R$ 46,41. Ainda no setor, Usiminas PNA ganhava 1,02%, para R$ 44,55.

Puxando as perdas dentro do índice, o ativo ON da BM & FBovespa declinava 5,49%, para R$ 8,77. Quedas superiores a 4% para América Latina Logística unit, Duratex PN e Gafisa ON.

Fora do índice, a ação ON da OGX Petróleo seguia o movimento da ação da Petrobras e ganhava 5,82%, para R$ 471,98.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG