Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercado cambial negocia US$ 96 mi em dia de feriado

Com a BM&F fechada em São Paulo e a interrupção das atividades também em outras praças que concentram os negócios com câmbio - Rio de Janeiro, Campinas e Santos - devido ao feriado da Consciência Negra, apenas US$ 96 milhões foram registrados hoje junto ao Banco Central. As transações foram fechadas no mercado interbancário e as cotações oscilaram entre a mínima de R$ 2,391 e a máxima de R$ 2,400.

Agência Estado |

A variação sobre o fechamento de ontem oscilou de +0,25% a +0,63%.

A perspectiva de alguns dos profissionais que permaneceram de plantão nas mesas de operações de São Paulo é de que o mercado amanheça a sexta-feira de olho no exterior. O dia hoje foi volátil e negativo lá fora, mas informações de que um grupo de senadores norte-americanos fechou acordo preliminar sobre um pacote de socorro para as três grandes montadoras de Detroit aliviava os negócios no meio da tarde.

Por aqui, o destaque do dia foi o anúncio de que o Banco do Brasil fechou a compra da Nossa Caixa. A instituição federal pagará R$ 5,386 bilhões em dinheiro pela aquisição de 71,25% do capital social total da Nossa Caixa em poder do governo paulista. O pagamento será feito em 18 parcelas mensais de R$ 299,25 milhões, corrigidas pela Selic, taxa básica de juros. A avaliação dos operadores é de que a notícia não terá impacto direto no mercado de câmbio.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, também chamou a atenção dos poucos que trabalharam hoje no mercado doméstico de câmbio ao anunciar que o governo repassará R$ 5 bilhões do Banco Mundial ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), ao custo de Libor (taxa interbancária londrina) mais 1%. Segundo ele, o dinheiro será utilizado especialmente para financiar as exportações. O ministro também disse que em breve será anunciada a liberação dos depósitos compulsórios que vai permitir uma capitalização de R$ 7,5 bilhões do BNDES.

Hoje o Banco Central não atuou no mercado de câmbio, mas retoma as intervenções amanhã. Serão ofertados até 10 mil contratos de swap cambial, o que equivale a cerca de US$ 500 milhões. Também haverá pesquisa de demanda para definir o restante da rolagem dos contratos de swap que vencem no dia 1º de dezembro.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG