Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercado: Bovespa fecha em baixa e gira menos de R$ 2 bilhões

SÃO PAULO - Acompanhando o preço das commodities, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) começou o mês de setembro apontado para baixo. O Ibovespa perdeu 0,93%, fechando aos 55.162 pontos. Já o giro financeiro somou apenas R$ 1,99 bilhão, reflexo do feriado do Dia do Trabalho nos Estados Unidos.

Valor Online |

Para o assessor de renda variável da Omar Camargo Corretora, Wilson Paese, o pequeno volume negociado e a falta do principal referencial externo tiram a representatividade da oscilação do índice nesta segunda-feira. O pregão de hoje não serve de parâmetro, afirma.

Segundo o especialista, o investidor interno também ficou retraído e refletiu, em parte, o dia negativo das bolsas na Ásia e na Europa. A baixa no preço do petróleo e de algumas matérias-primas também determinou o rumo do Ibovespa ao atingir os principais ativos do índice.

Os papéis PN da Petrobras caíram 1,97%, para R$ 34,21, e Vale PNA cedeu 1,31%, para R$ 37,50. Entre as siderúrgicas, Gerdau PN recuou 1,82%, para R$ 30,14, e Usiminas PNA perdeu 0,52%, para R$ 56,90.

Deixando o pregão de hoje de lado, Paese aponta que grande parte dos comentários de analistas e outros participantes do mercado apresenta tom otimista para o mês de setembro. Alguns papéis já pedem correção de preço e dá para esperar alguma retomada no fluxo de recursos, resume.

No âmbito corporativo, destaque para o setor imobiliário. Por meio de uma transação intitulada de integração societária de atividades, a Gafisa vai levar 60% da Tenda. Pelo modelo de negócio, a Tenda irá incorporar a Fit Residencial, subsidiária da Gafisa voltada para o segmento de baixa renda. Em troca, a Gafisa leva a participação no capital da empresa.

As ações da Tenda dispararam 22,66%, para R$ 4,60, recuperando parte da queda de mais de 40% amargada na semana passada, depois que corretoras estrangeiras revisaram para baixo o preço alvo do papel. Destaque também para a ação ON da Gafisa, que ganhou 8,82%, para R$ 25,40, com o quarto maior volume de negócio do dia.

Bom desempenho para o papel ON da BM & FBovespa, que subiu 3,29%, para R$ 12,85. O ativo entrou hoje na carteira do Ibovespa respondendo por 3,9% do índice. Tal participação é a terceira maior, atrás, apenas, de Petrobras e Vale.

O ativo ON da administradora de meios de pagamento Redecard também entrou para o Ibovespa hoje. O papel da companhia fechou com baixa de 0,06%, a R$ 29,01, depois de subir mais de 3,0% durante o pregão.

Ainda dentro do Ibovespa, as ações ON da TIM Participações fecharam com alta de 4,13%, para R$ 6,30. Pão de Açúcar PN ganhou 3,15%, para R$ 34,99. Na ponta oposta, Banco Nossa Caixa ON caiu 3,44%, para R$ 37,80, e Duratex PN recuou 3,26%, para R$ 27,00.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG