Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Mercadante deve ganhar em breve apoio do PC do B

SÃO PAULO - O presidente estadual do PT paulista, Edinho Silva, disse hoje que o PC do B deve declarar em breve apoio oficial à candidatura do senador Aloizio Mercadante ao governo de São Paulo. "O PC do B é nosso aliado histórico e está participando de todas as reuniões de coordenação da campanha de Mercadante", afirmou Edinho na rede de microblogs Twitter."Acreditamos que em breve o PC do B vai declarar e oficializar o seu apoio ao companheiro Mercadante", acrescentou.

Valor Online |

SÃO PAULO - O presidente estadual do PT paulista, Edinho Silva, disse hoje que o PC do B deve declarar em breve apoio oficial à candidatura do senador Aloizio Mercadante ao governo de São Paulo. "O PC do B é nosso aliado histórico e está participando de todas as reuniões de coordenação da campanha de Mercadante", afirmou Edinho na rede de microblogs Twitter."Acreditamos que em breve o PC do B vai declarar e oficializar o seu apoio ao companheiro Mercadante", acrescentou. O PC do B, contudo, aguarda uma definição sobre a segunda vaga na chapa para o candidato ao Senado, já que a primeira está assegurada para a ex-prefeita Marta Suplicy (PT). O vereador Netinho de Paula (PC do B) luta para ser indicado, enquanto o PT espera uma posição do PSB, que estuda a hipótese de lançar na disputa estadual o presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf. Para o Senado, o candidato do partido será o vereador Gabriel Chalita (PSB). Edinho ainda sinalizou que o PT pode ceder a vice ao PSB caso a sigla desista de entrar na corrida ao Palácio dos Bandeirantes."Mesmo que ainda não esteja clara a definição do vice para Mercadante, nossa postura com relação ao PSB é de muito respeito". O problema é que o PDT e o PR também reivindicam o cargo. Os petistas ainda estão em conversas avançadas com o PTN, PRP e PSL. Já o PT do B deve formalizar hoje, durante o 17º encontro estadual do PT, seu apoio ao senador. "Fazendo a apresentação pública do nosso arco de alianças afastamos as especulações. O PDT, PR, PRB, PPL já declararam apoio. Isso é fato", finalizou Edinho. (Fernando Taquari | Valor)
Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG