Tamanho do texto

SÃO PAULO - Em um dia de maior tranquilidade dos mercados, marcado pela ausência de notícias ruins na Europa e pelos balanços corporativos americanos, os investidores reforçam as compras no mercado acionário e de commodities, e reduzem as posições no câmbio. Próximo das 14h45, o Ibovespa subia 1,51%, aos 67.665 pontos, com giro financeiro de R$ 3,429 bilhões.

SÃO PAULO - Em um dia de maior tranquilidade dos mercados, marcado pela ausência de notícias ruins na Europa e pelos balanços corporativos americanos, os investidores reforçam as compras no mercado acionário e de commodities, e reduzem as posições no câmbio. Próximo das 14h45, o Ibovespa subia 1,51%, aos 67.665 pontos, com giro financeiro de R$ 3,429 bilhões. No mesmo horário, a moeda americana perdia 1,42%, cotada a R$ 1,727 na venda. O Banco Central (BC) já realizou leilão de compra da dólar e a taxa de corte ficou em R$ 1,7328. No cenário americano, o índice Dow Jones subia, minutos atrás, 1,22%, enquanto o Nasdaq se apreciava em 1,45% e o S & P 500 avançava 1,35%. Na Europa, as bolsas fecharam a jornada com ganhos. Nesta quinta-feira, o ministro da Defesa da Grécia, Evangelos Venizelos, prometeu cortes"colossais"nos custos operacionais militares para ajudar o país a sair da crise financeira. Ele afirmou ainda que quer acelerar os planos para modernizar as Forças Armadas. Atenas está atualmente em conversações com a União Europeia e o Fundo Monetário Internacional (FMI) para receber um pacote de resgate da ordem de 45 bilhões de euros este ano e mais recursos nos dois anos seguintes a fim de lidar com uma crise financeira aguda que levou o país para perto do default. A diminuição das tensões, em meio à expectativa da entrada em ação de um socorro financeiro à Grécia e aos balanços corporativos levaram o índice FTSE 100, de Londres, a avançar 0,56%, para 5.618 pontos, enquanto o CAC-40, de Paris, ganhou 1,42%, para 3.841 pontos, e o DAX, de Frankfurt, subiu 1,00%, para 6.145 pontos. No Brasil, tanto os papéis da Petrobras quanto os da Vale dão força para a valorização do Ibovespa. Há pouco, as ações PN da petroleira subiam 1,29%, a R$ 32,81, com giro de R$ 265,2 milhões, enquanto os papéis PNA da mineradora avançavam 2,09%, a R$ 47,27, com giro de R$ 576 milhões. Entre as maiores altas do índice estão os papéis Cesp PNB, com valorização de 4,59%, a R$ 25,48, Natura ON, com apreciação de 3,46%, a R$ 37,28, e MRV ON, com ganhos de 3,36%, a R$ 11,68. No sentido oposto, entre as maiores baixas do Ibovespa estão os papéis ON e PN da Telemar, com recuo de 2,90% e 1,29%, respectivamente cotados a R$ 30,10 e a R$ 25,17. Além disso, ás ações Klabin PN caíam, há pouco, 1,10%, a R$ 5,39. (Beatriz Cutait | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.