Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Meirelles sugere atenção com estoques na análise de dados de atividade

SÃO PAULO - O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, reconheceu hoje a gravidade com que a crise internacional afeta o país. Ele destacou, no entanto, que a análise dos dados de nível de atividade precisa ser feita com cuidado, para não se chegar a conclusões precipitadas.

Valor Online |

"(O cenário) é preocupante, mas temos que olhar isso com serenidade", afirmou Meirelles ao analisar o comportamento da venda e da produção de automóveis nos últimos meses. "É evidente que houve desestocagem (em dezembro)", disse Meirelles, acrescentando que é preciso observar "todo o processo de produção".

A preocupação do BC sobre quanto dos dados negativos da produção industrial tem a ver com a desova de estoque havia sido mencionada na ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), quando a Selic foi baixada em 1 ponto percentual, para 12,75% ao ano.

Ao falar sobre o impacto da crise econômica global no Brasil, Meirelles destacou que existem três consensos atualmente. O primeiro é de que a turbulência tem origem externa, e não local como nas décadas anteriores. A segunda conclusão é de que o Brasil está mais bem posicionado que a média dos países para enfrentar esses problemas. Por último, o presidente do BC citou que também há consenso de que "o governo está agindo e trabalhando" para minimizar o impacto da crise.

(Fernando Torres | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG